Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Language Programs
Início do conteúdo da página

Internacionalização e Ensino de Idiomas

Created: Thursday, 14 September 2017 03:08 | Last Updated: Saturday, 09 October 2021 11:48

No contexto das Instituições Federais de Ensino Superior (IFES), a internacionalização consiste na articulação entre instituições brasileiras e estrangeiras, por meio da implementação de acordos de cooperação, para execução de projetos conjuntos de ensino, pesquisa e extensão; promoção de intercâmbio entre as comunidades acadêmicas; e fomento à projeção internacional das instituições envolvidas. Dessa forma, a internacionalização se propõe a consolidar valores como a cooperação e a solidariedade nos âmbitos institucionais.

Visando fortalecer a internacionalização, a UFCG oferta ensino de línguas estrangeiras e viabiliza o contato da comunidade acadêmica com integrantes de instituições estrangeiras, de forma a promover a interação com as diversas culturas do mundo, bem como com uma visão de mundo inclusiva.

Turmas de Idiomas - Rede Andifes IsF-UFCG e Extensão

Candidatos selecionados e Lista de Espera.

  • Written by Diego Charles da S. Basilio
  • publicado
  • 08/10/21
  • 16h18

Subcategories

  • Cursos de Extensão em Línguas Estrangeiras

    A UFCG, por meio da Central de Línguas da Unidade Acadêmica de Letras do Centro de Humanidades, oferece periodicamente cursos de extensão nas seguintes línguas: alemão, espanhol, francês e português para estrangeiros.

  • NucLi - Núcleos de Línguas

    Os Núcleos de Línguas ofertam testes de proficiência e cursos presenciais, quando são divulgadas chamadas para inscrições. Atualmente a UFCG conta com NucLi de alemão, de espanhol, de francês e de português para estrangeiros.

  • Rede Andifes-IsF

    A Rede Andifes-IsF tem como objetivos propiciar a formação inicial e continuada de professores de idiomas para atuarem em processos de internacionalização; promover o desenvolvimento de proficiência linguística de estudantes, docentes e técnicos, de professores de idiomas da rede pública de Educação Básica, e de estrangeiros (em língua portuguesa), contribuindo para o desenvolvimento de uma política linguística para o país; bem como fomentar o trabalho em rede para o desenvolvimento de políticas linguísticas no Ensino Superior Brasileiro.

    Para mais informações: https://www.andifes.org.br/?page_id=82328

Fim do conteúdo da página